PARA OS AMANTES DA POESIA











"O poeta é um fingidor,

Finge tão completamente,

que chega a fingir que é dor,

a dor que deveras sente."


Fernando Pessoa

quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

Cadê o Poeta?

Por onde anda o Poeta?
Sumiu...
Virou atleta!
Fugiu...
Estava alerta!

Pra onde foge um Poeta?
Foge pra longe...
Na lua aberta!
Corre do monge...
Na rua certa!

De quem foge o Poeta?
Ninguém sabe...
Uma coisa esperta!
Alguém cabe...
Na descoberta!

Nenhum comentário:

Postar um comentário