PARA OS AMANTES DA POESIA











"O poeta é um fingidor,

Finge tão completamente,

que chega a fingir que é dor,

a dor que deveras sente."


Fernando Pessoa

quinta-feira, 31 de maio de 2012

Insone

Longa foi a noite,
Vendo-a de mansinho...
Torturando com açoite,
O poeta no caminho!

Curtos foram os sonhos,
Tendo-os por pesadelos...
Revelando o ser medonho,
Um deserto sem camelos!

Nenhum comentário:

Postar um comentário